Na frescura dos meus anos, vagueio confiante pela estrada do tempo; escrevo, observo e recordo

Na frescura dos meus anos, vagueio confiante pela estrada do tempo; escrevo, observo e recordo

terça-feira, 10 de junho de 2008

Alegria!

Para não ficar triste, magoada e ofendida, que dos meus familiares e amigos eu nunca espere as palavras que quero ouvir nem os carinhos que necessito ter, mas que procure avidamente as palavras que devo dizer e os carinhos que devo dar.
Hermínia Nadais

3 comentários:

Cöllyßry disse...

Que esse carinho envolva sempre Teu ser, a cada manhã...

Beijo terno

Jacky - Tudo posso realizar!!!! disse...

Olá Herminia,é muito bom receber sua visita em meu cantinho e saber q vc aprecia muito o que encontra pos lá. Desculpe a demora mas agora estou aqui para retribuir seu carinho.
Não podemos esperar nada dos outros, temos que dar amor e atenção,e dizer palavras bonitas sempre que tivemos vontade.
Bjos linda e seja sempre bem vinda em meu mundo dos sonhos.

Parapeito disse...

...E nunca deixar-mos para amanhã...os carinhos que devemos dar hoje...

Uma semana cheia de brisas mansas ***