Na frescura dos meus anos, vagueio confiante pela estrada do tempo; escrevo, observo e recordo

Na frescura dos meus anos, vagueio confiante pela estrada do tempo; escrevo, observo e recordo

quarta-feira, 2 de setembro de 2009

GRANDEZA E PEQUENEZ


É na grandeza das pessoas que me rodeiam que vejo a minha imensa pequenez e sinto a necessidade de crescer muito mais na vida!

2 comentários:

Poemas Novos disse...

Sabias palavras...

Parabéns...

Estou precisando da sua ajuda, estou trabalhando numa forma diferente de escrever meus poemas e gostaria de saber se você quer participar. Funciona assim:

Você me passa um tema eu desenvolvo a poesia, poema, prosa ou crônica em cima do tema, vou publicar no www.poemasnovos.blogspot.com e colocarei seu nome como parceria na criação, o que acha, quer entrar nessa comigo?

Espero a sua resposta.

Abraço.

Hermínia Nadais disse...

Não sei... sugerir um tema é muito pouco para se fazer uma parceria... acho eu... mas como quiser... se puder ser-lhe útil será agradável para mim. Diga algo!
Abraço