Na frescura dos meus anos, vagueio confiante pela estrada do tempo; escrevo, observo e recordo

Na frescura dos meus anos, vagueio confiante pela estrada do tempo; escrevo, observo e recordo

sábado, 2 de junho de 2018

VALORIZAR A VIDA... TODA!

Rodando por aí vou encontrando novos caminhos na busca de conseguir valorizar cada vez mais a vida!
Difícil! Claro que é difícil, muito embora o não pareça!
Lá diz o velho ditado: ‘Nem tudo o que luz é ouro!’... e  não é mesmo! ‘Nem tudo o que luz é ouro!’
Às vezes é ferro velho pintadinho de fresco que só  serve para nos manchar o corpo e as roupas!
Mas... a nossa obrigação é valorizar... tudo quanto nos rodeia... de modo a ajudar a crescer... conscientes de que cada pessoa cresce do seu jeito ou do jeito  que as circunstâncias da vida a deixam crescer!
E cresce-se, sempre, sempre,
a percorrer
todos os caminhos,
com coragem de ir em frente
sempre, sempre, até... morrer..
rodeada de miminhos!
Bom domingo gente linda,
com tudo quanto for bom,
com muito amor para dar
saído do coração!

Hermínia Nadais

Sem comentários: