Na frescura dos meus anos, vagueio confiante pela estrada do tempo; escrevo, observo e recordo

Na frescura dos meus anos, vagueio confiante pela estrada do tempo; escrevo, observo e recordo

sábado, 24 de julho de 2010

Luta diária


Somos seres humanos, seres sociais por excelência!
O nosso “ser sociais” faz-nos responsáveis uns pelos outros e dependentes uns dos outros!
Devemos ajudar-nos mutuamente e ser presentes uns aos outros…contudo, muitas vezes, buscamos o que gostamos e tentamos evitar tudo quanto nos magoa!
O nosso ser sociais leva-nos a sermos arrastados por exemplos e a arrastar pelo exemplo que damos!
Tanto quanto possível, por nós e pelos outros, temos de nos precaver de errar!...
A nossa responsabilidade pessoal e social, acima de tudo, tem a ver com as ajudas que damos a quem precisa, a começar por nós mesmos, e mede-se pela forma como nos comportamos, assim, connosco próprios, com o nosso crescimento pessoal, e com o bem estar do nosso próximo, certos de que o nosso comportamento serve de exemplo a quem nos vê.
A busca da máxima responsabilidade deverá ser a nossa luta de todos os dias!

Sem comentários: