Na frescura dos meus anos, vagueio confiante pela estrada do tempo; escrevo, observo e recordo

Na frescura dos meus anos, vagueio confiante pela estrada do tempo; escrevo, observo e recordo

domingo, 12 de junho de 2011

A SANTO ANTÓNIO

António do coração,

Doce Santo Popular;

O povo, com devoção,

Celebra-te a cantar.



Celebra-te a cantar,

Cantar e dançar também,

Este gesto é o clamar

D'um filho junto da mãe!...



 
O labor que é "Tua Vida",

Enche a nossa de alegria,

Sabemos que és guarida

Para todos, noite e dia!



Ó Santo António querido,

O povo Te dá louvor,

A Igreja Te deu sentido

Chamando-Te "Seu Doutor"!



 
Não acaba o que dizer

De Ti, Santo sem igual!...

Ajuda-nos a crescer

Óh! Filho de Portugal!


5 comentários:

Maria disse...

Que lindo minha amiga.
Tenha uma excelente semana
Beijinhos
Maria

Cida disse...

Lindo!

Gosto demais de Santo Antônio!

Cara Hermínia, obrigada pela visita tão carinhosa.

Volte sempre, okey? :)

Beijo afetuoso, e tenha uma linda e feliz semana.

Cid@

Paulo Henrique Lima disse...

Querida Hermínia!
Gostei desse Santo Antonio! A imagem nos remete aos bons sentimentos e impressões alegres.
Vi também que você tem e participa de muitos blogs. Ás vezes fico na dúvida em qual devo redigir alguns pensamentos. Rsrsrsrs.
Continue escrevendo, minha amiga!
Enquanto isso, cá estou a ler seus versos.

Cadinho RoCo disse...

Que Santo Antônio sempre interceda por nós, amém.
Cadinho RoCo

Vieira Calado disse...

Sabe, amiga,

e eu não sei porque foram buscar esse tal de Valetim!

O ofício dum, é o ofício do outro.

Mas veja, desde que esse tal de Valentim foi aceite por cá,

quantos divórcios!

S. António, sim, esse é um bom santo para os amores. Tem provas dadas!

Sou seu devoto!


Bjssss