Na frescura dos meus anos, vagueio confiante pela estrada do tempo; escrevo, observo e recordo

Na frescura dos meus anos, vagueio confiante pela estrada do tempo; escrevo, observo e recordo

sexta-feira, 28 de outubro de 2011

Descomplica-te|


Descomplica-te, mulher/homem?!... 
Homem/nulher, descomplica-te 
e vive os teus dias como se em cada minuto 
estivesse o último segundo da tua vida.
Homem, mulher, jovem ou criança: 
Tem Fé e reza a Deus. 
Perante o mal que tiveres feito, 
não desesperes, 
porque Deus está pronto a perdoar 
e a Sua misericórdia é maior do que todas as tuas loucuras.   

6 comentários:

Anónimo disse...

Se deus não existe, apenas tenho de me aceitar como sou e ser feliz. Não tenho de depender de um perdão alheio.

Cumprimentos,

Hermínia Nadais disse...

Se conseguir ser feliz sem Deus... seja! Eu não consigo!

Sabe... eu sei que os conselhos não se dão, ou se pagam ou se vendem... por isso... eu sem querer aconselhar, desafiava a pessoa comentadora anónima de quem já tinha saudades a pensar um pouco mais seriamente em quem será que a está a alertar para algo muito mais sério do que aquilo que poderá pensar - a existência de Deus!
Não acha que a existência ou não existência de Deus a está a perturbar por demais???
Não será ELE a bater-lhe à porta do coração???
Tem muitas características que LHE agradam, sabia?
Os sentimentos de ódio e amor são ambos muito fortes... e muitas vezes escondemos o amor por detrás de uma tempestuosa aparência de ódio. Pense nisso... e volte sempre, gosto muito de si... repito, já tinha saudades suas.

Tenha um óptimo fim de semana e seja muito feliz!

Anónimo disse...

Cara Hermínia,

Muito obrigado pelas suas palavras. Depois delas é fácil perceber que é uma pessoa que tem muitas pessoas amigas que partilha a sua vida, a sua alma e a sua felicidade.

Posso dizer que já passei por momentos em que pensei que seria "Deus" a bater à porta do coração. Mas isso rapidamente se mostrou uma ilusão e aprendi a não confundir o meu subconsciente, a minhas motivações íntimas, com ilusões. Aprendi a meditar e a perceber as minhas motivações respeitando a realidade e as diferentes motivações dos outros.

Por isso quando alguém tenta falar em nome de deus sinto que devo fazer perguntas para que, de forma independente, essas pessoas possam perceber que não estão a representar deus e para alertar a possíveis ilusões que podem resultar em burlas como a IURD.

O Vaticano não é diferente e a estrutura Romana usa a ignorância histórica de forma eximia.

Cumprimentos,

Hermínia Nadais disse...

Olá!

Fico muito contente pela visita e pelo comentário.

Acho que é melhor eu começar a responder-lhe directamente, é mais fácil de responder e talvez de ser compreendida.

Pela forma como fala deve ter caído em alguma dessas burlas que eu sei que existem... existem e das grandes... infelizmente!
Eu também já fui burlada...
Não foi pela Iurd nem por igreja nenhuma, mas por pessoas que se dizem ligadas à igreja mas a ligação delas é à sua própria carteira.
E sabe porque é que isso me aconteceu? Porque durante algum tempo desprezei a educação religiosa que meus pais me transmitiram e procurei pessoas que não devia para prever futuros e resolver problemas, e a única coisa que consegui foi a burla...

O futuro só pode ser previsto quando a pessoas acredita totalmente no que quer ou pensa, e desta forma o seu acreditar faz com que tudo se ajeite para acontecer conforme o plano sonhado; comigo, não funcionou.
A resolução de problemas parte do interior da pessoa que pode ter ou não força para resolver os seus próprios problemas, comigo também não funcionou.

Agradeço do fundo do coração a preocupação que tem comigo. Sabe, eu consigo acho que não preciso de me preocupar. Já conhece as manhas da IURD, e se conhece as da IURD tem capacidade para reconhecer outras manhas que lhe apareçam; diz que Deus não existe, mas fala maravilhosamente nas motivações íntimas, no subconsciente, nas ilusões... e acima de tudo preocupa-se com as outras pessoas.

Tudo isto é obra de quem? Sua?

Claro que é obra sua... mas consigo, quer queira quer não, está o Deus que tanto nega, porque onde estiverem bons comportamentos está Deus. Eu não tenho a mínima dúvida!

Agora, por favor, não se confunda comigo!

Eu não falo em nome de Deus... eu tenho a certeza de que Deus está comigo e me orienta todos os passos, e isto eu não posso calar, porque, se calar, estou a mentir, e eu não posso mentir.

Sabe, por incrível que pareça, quando vejo a sua insistência contra os romanos lembra-me do Apóstolo Paulo, que antes de seguir Jesus Cristo também perseguia os cristãos... sei que conhece bem a Bíblia, de certeza que sabe disto.

Quanto ao Vaticano... tem HOMENS... e os HOMENS erram ou podem errar, porque são homens... mas o Vaticano, das formas mais diversas, tenta elucidar os cristãos das realidades da fé, interpretando as passagens bíblicas inseridas no tempo em que foram escritas e lendo os sinais dos tempos... mas... a maior parte das pessoas que se dizem cristãs são-no só de nome, pois não conhecem nem sabem meditar a Bíblia, não conhecem os documentos da Igreja, vivem com medo dos castigos de Deus e de costas voltadas para os irmãos... mas o Vaticano não tem culpa nenhuma disto.

Mais do que nunca as pessoas têm de saber o que querem e procurar a verdade por todos os meios. Jesus Cristo não obriga ninguém a segui-LO, e ama-nos desmedidamente, quer O sigamos quer não. ELE é AMOR, por isso, nunca poderá odiar as pessoas.

Rejeitar as acções das pessoas não é odiar as pessoas, mas as suas acções.

Eu tenho muitos amigos e amigas com que partilho algo das minhas experiências de vida, mas com quem partilho a vida eu não tenho ninguém, porque a minha vida é minha e de Deus, e só Deus me pode compreender tal qual eu sou! Eu e Deus, somos maioria absoluta, ou seja, só eu posso compreender realmente o que Deus me diz e só DEus pode, realmente, dar-me os melhores momentos de realização pessoal e felicidade. Só DEus me pode dar capacidade de compreensão e aceitação das pessoas como elas são, sabedoria e paciência para as acolher, um coração grande para as amar.

Respeito muito o pensar dos outros... mas tenho que viver segundo os meus próprios pensamentos e a minha maneira de viver e encarar a vida.

Tenho que arranjar formas de dar uma apresentação diferente aos meus blogues... nem me apetece meter nada neles enquanto e estiverem assim.

As maiores felicidades, volte sempre.

Betty Gaeta disse...

Oi Hermínia,
Lindas e sábias palavras!
Tem sorteio de um "kit de beauté" lá no blog, se vc ainda não estiver participando, vou ficar feliz se participar. Hj é o último dia de inscrição.
Beijos 1000 e uma noite maravilhosa para vc.

http://www.gosto-disto.com/2011/10/sorteio-de-beaute-beautys-giveway.html

São disse...

Gostei do texto e ainda mais da sua maneira de defender o que penas. Só discordamos numa coisa: a inicência do Vaticano.

Um excelente dia.